Conteúdo Principal
Bayer

Uma infecção acontece quando a flora vaginal da mulher acaba sendo afetada por algum fungo ou bactéria, então a resposta é: sim, candidíase é uma infecção vaginal!

Na verdade, a candidíase é um tipo de infecção vaginal bem comum (acontece em cerca de 75% das mulheres, sabia?¹) e é causada geralmente pelo fungo Candida albicans - organismo que vive normalmente na flora vaginal sem expressar qualquer sintoma.

Esse fungo só se torna um problema quando ocorre algum desequilíbrio no funcionamento do seu organismo, onde ele se prolifera mais do que deve, virando uma infecção vaginal, e gerando sintomas, como coceira vaginal, corrimento branco e espesso, ardor e incômodo na região, entre outros.

Mas não precisa se desesperar! O tratamento para a candidíase geralmente é simples.

E quais são as infecções vaginais mais comuns?

Além da candidíase, conheça os tipos mais frequentes de infecção vaginal e seus principais sintomas:

  • Vaginose bacteriana: sabia que ela é a principal infecção vaginal entre mulheres na idade reprodutiva? Fizemos um conteúdo que explica direitinho como funciona e o que é a vaginose bacteriana;
  • Tricomoníase: esta infecção vaginal é uma DST e é causada por um protozoário chamado Trichomonas vaginalis. A transmissão ocorre através de relações ou contato sexual, e seus sintomas mais comuns são corrimento de cor amarelo-esverdeado, vermelhidão e coceira vaginal, dor e ardência ao urinar. Outras DSTs também comuns são: clamídia, gonorréia e micoplasma. Muitas vezes estas infecções são assintomáticas nas mulheres, então a prevenção é sempre a melhor forma de se proteger, viu?

É super importante estar atenta a qualquer alteração no seu corpo, além de conversar sobre isso #SemTabu. Na dúvida, procure seu ginecologista.

Tags: vaginose bacteriana, saúde feminina, higiene íntima